Eu estava aqui o tempo todo, só você não viu


"E não adianta nem me procurar
Em outros timbres, outros risos
Eu estava aqui o tempo todo só você não viu".
Pitty | Na sua estante


Eu sempre ouvi suas histórias, seu desejo de encontrar alguém que te amasse de verdade, que te entendesse, que sonhasse junto contigo e que nesse mar de sonhos escolhesse ser asas e junto contigo descobrisse o quão alto se podia chegar. E era engraçado, porque você sabia que eu te amava, mas em uma avenida de encontros o nosso pseudo-amor resolveu ser desencontro.

Eu me tornei a melhor versão de mim mesmo ao seu lado, porque era isso que você despertava em mim. Eu seria capaz de qualquer coisa para ver um sorriso seu. Te ver e não poder te tocar era como uma espécie de tortura, ver teus olhos brilharem por outros olhos que não os meus era como me afogar em um mar de incertezas na vã esperança de que algum dia todo o amor que eu sentia (sentia?), por você fosse enfim correspondido.

A cada nova decepção eu era seu colo e ouvidos para desabafar, me doía ouvir como seu coração estava despedaçado, me doía ser humano demais para te ajudar, me doía ser o amor que você tanto esperava e infelizmente só você não perceber.

Lembro até hoje da primeira vez que te beijei, - sim tivemos os nossos momentos, embora raros, brincamos de um quase amor e fomos pseudo-namorados -, foi um beijo incrível e fora do normal, foi o beijo que me fez acreditar nas belas linhas dos contos de fada, onde os personagens são descritos em um êxtase  sobrenatural.

Eu sempre torci (e torço) por sua felicidade, mesmo ela não sendo ao meu lado, quantas vezes te ajudei a conhecer o carinha novo que você tinha visto e que tinha te deixado em meio a suspiros, mesmo me despedaçando por dentro eu te ajudava a conhecê-lo, no primeiro "oi", no primeiro encontro e até no primeiro beijo, enquanto no meu rosto uma lágrima descia.

Eu nunca fui o seu amor, mas sempre quis ser. Hoje olho para trás e lembro como tudo aconteceu, tão arrebatador, intenso e que palavras faltam para descrever.

Depois de um tempo parei de tanto te querer, descobri que o amor não é acionável e que julgar ser o cara perfeito para você, não adianta nada, se não é assim que seu coração me ver.

E tudo bem...

Olho pro céu lá fora e vejo tantas estrelas, fecho os olhos e em silêncio peço que elas te protejam, cuidem de você como eu não posso cuidar.

E embora eu preencha todos os requisitos que você tantas vezes me descreveu, a verdade é que eu não sou o grande amor da sua vida!

E tudo bem.

"Eu estava aqui o tempo todo, só você não viu!"

Joanderson Oliveira 

Comentários