Feliz dia dos namorados! (Viva o amor... ❤)


Hoje é 12 de junho, dia de celebrar o amor em todas as suas formas, hoje é dia dos namorados, e eu sou a favor de toda e qualquer data que nos levem a comemorar e demonstrar os bons sentimentos que nos fazem tão humanos quanto de fato somos.

O meu desejo pra hoje é de que o textão (ou o textinho) do facebook seja verdadeiro, que traga tudo aquilo que não cabe no peito e que transborda no meio das palavras. Que o presente não seja ostentação, mas um mimo, um agrado, uma consequência do que sentimos e não uma validação dos nossos sentimentos, onde ama mais quem dá o presente mais caro.

Que os beijos sejam intensos, que os abraços sejam fortes, de ursos, bem apertados. Que os olhares brilhem ainda mais que nos outros dias. Que a saudade seja matada, que os desejos sejam saciados.

Que os amores sejam recíprocos, que o namoro seja por amor, e não por medo de estar sozinho. Que os casados não esqueçam que também são namorados. Que rosas sejam dadas, que declarações sejam pronunciadas.

Que o verbo amar seja conjugado em todas as suas formas e que amar não seja (ou torne-se) uma obrigação. Que os amores sejam leves. Que tenha filminho em casa, pipoca e edredom, que também tenha balada, ou jantar a luz de velas, não importa, mas que tenha amor, sentido na mesma vibração.

Hoje é um dia pra você dizer e demonstrar o quanto ama esse pessoinha com quem você partilha lindos momentos, e pode ser ele com ela, ela com ela ou ele com ele, amor não tem forma, padrão, amor é sentimento, e lógica aqui nunca foi uma opção. O amor é benigno e não tem contra-indicação.

Aos solteiros, lhes desejo muito, muito amor. E isso não significa dizer que estou lhe desejando um par, afinal, tudo bem em estar solteiro, namorar não tem a ver com obrigação, mas com vontade, ou se quer ou não.

Que hoje possamos lembrar o que de fato significa amar alguém. Que a gente aprenda que amor não é brinquedo, coisa passageira, amor é construção que nem todos tem coragem de enfrentar, não tem a ver com perfeição, tem a ver com paciência, perdão, partilha, sorrisos, beijos, abraços, compreensão.

Pra quem estar com o amor pertinho, abrace, beije, mime... Pra quem estar com o amor longe, liga, manda mensagem, estreita os laços.

Amor? Ah, é a melhor coisa do mundo. Presente caro que não se encontra em qualquer lugar. Como diria Clarissa Corrêa, está sempre protegido, "entre parênteses ou dentro do peito".

Feliz dia dos namorados queridos!
Viva o amor!

P.S.: todo dia é dia de amar e demonstrar esse lindo sentimento. (Pra não esquecer!)

Joanderson Oliveira