Se não for pedir muito, sonha comigo


Sonha comigo um sonho bem bonito?, desses que só parecem existir em filmes e livros, um sonho em que nada nos impeça de ficarmos juntos, onde o impossível se torna possível, onde a saudade é uma amiga breve, que vai embora assim que nos encontramos.

Sonha comigo, caminhando naquela praça que já te falei e que estava ainda mais linda agora no natal, me leva para um lugar inusitado, me mostra aquela rua que você me falou e me abraça bem forte como se desse abraço dependesse a nossa vida.

Sonha comigo e me conta tudo no outro dia, me fala dos medos, das aventuras, dos sustos, das surpresas, dos carinhos e dos beijos, me fala de como podemos tudo nesse mundo de sonhos, onde somos apenas nós, sem mais ninguém para nos atrapalhar, sem labirintos para nos perdemos, onde todos os caminhos nos levam a ficarmos juntos.

Sonhe o mais irreal possível, cause inveja a Branca de Neve e seu príncipe encantado, mostre a ela que amor de verdade não é cheio de perfeição, mas é a busca diária no meio de nossas imperfeições que deixam o nosso amor, bem mais bonito, assim do nosso jeito.

Sonha comigo, sonha conosco, quem sabe até com o nosso casamento, depois me liga com aquela voz que só você tem e me conta tudo, detalhe por detalhe, e me prende nesse teu sonho que não é só teu, é meu, é nosso.

Sonha comigo te levando café na cama, uma rosa do lado, um sorriso largo e muitos, muitos beijos. Projeta a nossa vida, desenha a nossa história, sonha, só sonha, e acredita nesse nosso sonho, porque enquanto você sonha ai, eu sonho por aqui e cruzo os dedos na esperança de que nossos sonhos venham se encontrar.

E que o encontro o torne real, que a vida se apaixone pelo nosso sonho e nos presentei com a oportunidade de vivê-lo intensamente.

Sonha comigo...
Sonha conosco...
Sonha com a gente...

Naquele jardim cheio de rosas brancas, naquele banco de praça de frente a praia, naquela rua simples, cheia de pessoas simples e de casais apaixonados. Sonha comigo e me leva junto, sonha comigo e me torna real, sonha comigo e me dá a mão, segura a minha que já está estendida para você.

Ah, e se não for pedir muito, (talvez eu ainda não tenha dito) sonha comigo. E se puder entenda as três palavras que em sussurros te digo ao pé do ouvido.

Joanderson Oliveira