Síndrome de Gabriela


Tenho preguiça de gente conformada, que acha que tudo está bom, que as situações que o cercam por mais ruins que sejam são e sempre vão ser assim, que usam o argumento de terem nascido assim para serem vítimas de suas próprias vidas, ou por simplesmente preferirem se acomodar. Pessoas que não sonham mais, que se limitaram e estagnaram!

Antes que me apedrejem com mil pedras, isso não é um julgamento, é apenas uma reflexão.

Me incomoda ouvir as pessoas justificarem suas grosserias, falta de jeito, ignorância e preconceito com a afirmação de que nasceram assim, o que elas podem fazer se são vítimas do universo.

Eu não quero essa limitação sabe?! Quero sempre poder mudar, melhorar esse ser intitulado "eu", rever minhas mancadas, deslizes, pedir desculpas quando necessário, defender minhas convicções respeitando os que de mim pensem diferente, aprendendo a ouvir muito mais do que falar, porém nunca me calar.

Entender que defeitos eu tenho muitos e sim, defendo que eles são importantes, fazem parte desse conjunto de coisas que me são tão intrínsecas, mas veja, eles são I-M-P-O-R-T-A-N-T-E-S, e não C-R-Ô-N-I-C-0-S, o que por si só já faz uma enorme diferença. Procure e queira estar com alguém que ama você e também os seus defeitos, mas entenda seus defeitos não determinam sua essência, (podem até influenciar, mas não determinar) por isso reveja-os.

Sua essência diz quem você é, seus defeitos o que você pode ser. Aprenda com eles. Erramos por um motivo, não pelo acaso. Erros servem de aprendizado... não banque a Gabriela, mude... mudar pode ser um processo doloroso, mas quem disse que a vida é fácil?! Não tenha medo de mudar, faça como o Chico Buarque e "tenha medo que as coisas nunca mudem".

Nascer assim, crescer assim e morrer assim... só combina e fica até bonito nos versos da música de Gabriela, na vida real não, não traz cor nem da vida a nada.

Clarice Lispector me ensinou que devo "ser sempre eu mesmo, mas não devo ser o mesmo para sempre"...

Pense nisso! Fuja da síndrome de Gabriela...

Joanderson Oliveira

Comentários

  1. Conheço uma penca de gente com Síndrome de Gabriela.
    Mas quem nunca usou essa frase pra defender um opinião que se carrega a vida toda?
    Algumas coisas realmente não conseguimos mudar, por que seria contra a nossa natureza, o que não quer dizer que devemos usar essa justificativa pra tudo!
    Ótimo texto como sempre!
    Bjs da LE
    http://www.leversosecontroversias.com/

    ResponderExcluir
  2. Conheço uma penca de gente com Síndrome de Gabriela. ²

    Sem mais.

    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Excelente reflexão, Joanderson.
    Realmente há muitos que justificam seus erros, suas loucuras e arrogância com "eu já nasci assim". A humanidade não nasceu para ser estática. Devemos evoluir sempre, como indivíduo e como espécie. Conformar-se com os defeitos é impedir a evolução.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  4. Oi Joanderson!
    Que texto lindo, adorei as palavras. Realmente, estava refletindo sobre isso há algum tempo atrás. As pessoas se conformam demais com as situações delas, não procuram e não se esforçam para melhorar, para viver melhor, para ter mais sucesso. Culpam as circunstâncias, quando o sucesso e as mudanças dependem somente de nós. :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Joanderson!
    Tudo bem?
    Primeiro eu vi o título e pensei, Deus? O que será síndrome de Gabriela? To por fora como assim? ahahh
    Depois comecei a ler seu texto e entendi! Algumas pessoas tem isso mesmo, até eu um pouco, não podemos generalizar, as pessoas tem medo do desconhecido, de mudanças, as fora e dentro de si mesmos!
    Adorei o texto! Beijos
    Paulinha Juliana - Overdose
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2015/06/resenha-herdeira-selecao-4-kiera-cass.html

    ResponderExcluir
  6. Oi, Joanderson! Tudo bem? Realmente conheço várias pessoas que têm a síndrome da Gabriela! rsrs Eu já sou diferente, gosto de mudar, repensar os meus atos e mudá-los para me tornar uma pessoa melhor. "ser sempre eu mesmo, mas não devo ser o mesmo para sempre" vou levar essa frase para a minha vida! :) Parabéns pelo texto, amei ele! :3

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Nossa, se eu for listar as pessoas que conheço que sofrem dessa síndrome, vou ficar um bom tempo escrevendo e ainda vou esquecer de algumas pessoas... hahah Eu já sofri dessa síndrome, mas consegui me livrar.

    Amei o texto (eu sempre falo isso né? mas é que eu amo mesmo <3)

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Não faz muito tempo que eu estava pensando sobre isso, parece que tem pessoas que não querem crescer, acham que tudo o que tem ali esta bom. Não sei se sou muito ambiciosa (de uma maneira saudavel), sempre quero estar muito feliz, sempre quero estar em um lugar melhor, em um dia melhor, ser melhor. Sou Gabriella, mas não sofro desse mal. <3

    http://gabsgiorgette.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Jô!
    Há muitas pessoas com essa síndrome, viu? Infelizmente.
    Adorei seu texto. Inclusive vivo constantemente pensando nisso e percebendo como muitas pessoas se acomodam e não buscam crescer, progredir.
    É complicado.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. conheço uma penca de gente com sindrome da Gabriela ³
    unhas-e-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Que genial seu texto, me da muita falta de paciência lidar com pessoas com síndrome de Gabriela, eu me pergunto como tem gente que consegue ser assim, é tão zZzzZ...

    Beijos
    http://intoxicadosporlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Joanderson!
    Parabens pelas sábias palavras. Muito tocante, de fato.

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  13. Olá!!
    Adorei seu texto! A conformidade também me irrita um pouco... Eu preciso aprender a lidar melhor com as pessoas portadoras de síndrome de Gabriela rsrs.
    Essa sua citação da Clarice lacrou ♥
    Abraços!
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderExcluir
  14. O que dizer disso que acabei de ler?!
    Que você é perfeito em sua escrita e fala sério... Tem pessoas tão conformadas que usa esses defeitos para justificar todos os seus erros, lamentável.

    Parabéns pelo texto.

    Abraços Joh.

    ResponderExcluir
  15. Joh, meu grande! Achei muito propícia essa "síndrome de Gabriela". Haha! É exatamente como os versos da música dita cuja que as pessoas agem. Ao mesmo tempo em que você critica essa atitude nos parágrafos muito bem construídos e fluidos, impõe-nos a reflexão da seguinte forma: um soco na boca do estômago do ego ou mil espelhinhos no teto. Nossa "natureza" nos faz facilmente enraizar na zona de conforto (que é, segundo um terapeuta da família, "um barril de merda") e poucos sabem que sair dela constantemente é a chave para a felicidade. Fico grata por suas palavras, que sempre me fazem pensar e acreditar nas coisas simples.

    Beijos!
    agathaodaisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Jo, tudo bem??? Conheço muita gente com a síndrome de Gabriela. Na verdade eu mesmo sou assim as vezes, kkkk. Quando tenho alguma coisa que eu NÃO quero mudar, eu digo: eu nasci assim e pronto, hahahah . Mas é muito ruim as pessoas que são sempre estagnadas e que reclamam, mas não fazem nada para mudar :P
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pela visita! Espero que tenha gostado da crônica! =)