Porque no fim serei sempre eu


Não me deem fórmulas certas,
porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostrem o que esperam de mim,
porque vou seguir meu coração.
Não me façam ser quem não sou.
Não me convidem a ser igual,
porque sinceramente sou diferente.
(...) Sou sempre eu mesmo, mas com certeza
não serei o mesmo para sempre.
Clarice Lispector


Eu não consigo compreender essa mania que a sociedade tem de rotular as pessoas, estabelecer padrões, e querer o tempo todo enquadrar todo mundo.

Eu não me enquadro nesses modelos que estão ai colocados (e quem se encaixa?) e por muito tempo isso me incomodou sabe, eu vivia tentando atender as exigências, me tornar a pessoa que esperam que eu seja.

Mas não deu certo! Percebi que eu posso mudar por fora, mas não por dentro, por dentro eu serei sempre eu mesmo, a essência permanece, ou seja, o meu 'eu' vai sempre está lá...

Então em meio a uma epifania, eu parei, parei de querer mudar o meu eu...

Hoje eu quero apenas ser eu, por mais torto e complexo que possa parecer/ser. Claro que procuro melhorar a cada dia, mas não mais com a finalidade de agradar alguém e me anular entende? Mudanças são necessárias, de início assustam, mas fazem um bem quando finalmente a compreendemos.

Então mudamos, os dias vão passando e velhos hábitos e costumes vão sendo deixados para traz, vamos mudando, amadurecendo (ou não), algumas coisas são relativas e ainda bem que são assim, uns mudam para melhor, outros infelizmente para pior, é assim, você sabe que é! É a vida e suas singularidades.

Já fui muito cheio de certezas, hoje não mais. Antes que você me compreenda mal, deixe-me explicar, é que quando estamos cheio de certezas deixamos de aprender, ficamos estacionados no mesmo lugar, por isso é bom algumas dúvidas que devem ser resolvidas e substituídas por novas, assim estaremos sempre motivados por algo novo, não da para ficarmos imoveis, estagnados como se fôssemos donos da verdade.

É bom ter sempre uma pergunta que nos leve a continuar buscando, e nessa vida meu amigo se anda para frente.

Talvez a vida seja uma grande pergunta e nossa missão seja encontrar essa grande resposta.

Só não se perca nesse caminho, não se esqueça de quem você é, da sua essência... cuide bem das coisas de dentro!

Penso como a Clarissa Corrêa, "Gosto das coisas de dentro. O que está por fora muda a cada estação. A essência não." Por isso cuide bem da sua essência, ela não muda. Pode até usar mascaras, mas sempre estará lá e uma hora ou outra ela vai aparecer, ninguém pode fugir de si mesmo por tanto tempo. Ou pode?

Joanderson Oliveira